Publicado em Comportamento

O que é um "Treinador do sexo"? E quem precisa disso?

por em04 Abril 2017 159 acessos
  • .
Report ThisConteúdo Inadequado? Avise-nos

Despontando como “novidade”, a atividade não só existe como é acessível a qualquer casal ou pessoa que deseje melhorar sua sexualidade e saúde

Recentemente tem surgido a figura do “treinador do sexo”, ou “treinador sexual” e apresentado como algo novo, no entanto essa modalidade de apoio já existe há tempos (TRÍADE TÂNTRICA®) e é acessível a qualquer casal ou pessoa que deseje ampliar sua performance sexual e melhorar seus relacionamentos.

A reclamação mais constante das mulheres é a dificuldade de alcançar orgasmos, casais buscam orientações para elevar o desejo, a libido, a integração e recuperar aquele “fogo” do início da relação. Já os homens desejam aumentar seu tempo de desempenho, a média brasileira de duração ativa na relação é de cinco a quinze minutos, geralmente insuficiente para satisfazer a parceira.

Desde que lançou seu livro sobre Tantra na sexualidade, também uma série de vídeos e abriu espaço para palestras e atendimentos, Raman Naveen tem sido procurado por casais e especialmente mulheres em busca de resolver problemas de ordem sexual ou simplesmente elevar a qualidade de suas relações. O objetivo é tornar a relação sexual mais prazerosa, mais íntima, aumentar a confiança e a autoconfiança, incentivando novas descobertas e diálogo entre o casal.

O perfil do público atendido até hoje é o mesmo apontado em pesquisa do National Healt and Social Life Survey, onde 75% dos homens garantem atingir o clímax (não especificando em quanto tempo), contra apenas 29% das mulheres. E o Prosex apontou em suas duas edições de pesquisa que mais da metade dos brasileiros está insatisfeita com a qualidade de suas relações sexuais.

Segundo o orientador, o Tantra é a base utilizada em seus atendimentos e seu método é chamado de TRÍADE TÂNTRICA®. Ele não revela suas técnicas, mas diz que os atendimentos seguem um padrão: O primeiro é informal e gratuito, via Skype ou Zoom, para identificar as dificuldades e desejos de cada um, histórico de saúde, perfil educacional, bloqueios, etc.

Neste contato já ficará claro se há necessidade de continuar ou se é o caso de indicar outros profissionais mais adequados.  Caso haja sequência, as orientações podem ser feitas totalmente online ou mesmo presencialmente para aqueles mais desinibidos e ousados, com orientação em tempo real do casal, através de observação, orientações pontuais e posteriores.

Quanto tempo é necessário?

Raman afirma que é muito variável a quantidade de seções, depende muito do que a pessoa ou casal deseja alcançar e o engajamento de cada um. “Já tive casos onde um atendimento foi o bastante, outros nos quais o casal gostou tanto que voltou tempos depois em busca de mais evolução, outros que continuam porque querem se aprofundar. Há casos de pessoas que resolveram até seguir o Tantra como filosofia e partiram para cursos”.

Quanto custa?

O primeiro atendimento é online e gratuito, devendo ser agendado. Os demais variam de caso a caso entre R$ 200 e R$ 400,00 e os presenciais na residência do cliente ou hotéis são negociáveis. “Só não atendo em motéis, de modo algum. Primeiro que não é o local adequado, segundo que tais locais têm uma energia muito pesada e prefiro preservar a mim e a meus interagentes. No mais não é incomum até mesmo acompanhar o casal em visitas a sex shops, em viagens, a centros de formação em Tantra, etc”.

Finalizando, Raman deixa um alerta: “O atendimento não é o mesmo que se encontra em locais que ministram cursos de Tantra e massagens, é pessoal, individual e não há qualquer tentativa de doutrinação, não conflita com a religião de cada um, até porque o Tantra é uma filosofia, um culto à saúde física, mental e espiritual, um encontro com suas capacidades desconhecidas. Seguir ou não depois é opção de cada um”.

Para saber mais e agendar o primeiro atendimento online gratuito:

www.triadetantrica.com.br