Publicado em Cultura

A Literatura de Cordel na Visão de um Médico Oftalmologista

por em17 Novembro 2016 264 acessos
  • .
Report ThisConteúdo Inadequado? Avise-nos

A Literatura de Cordel na Visão de um Médico Oftalmologista

Uma antiga arte que ganha um significado especial pelas criações de Levi Madeira

A literatura de cordel surgiu no século XVI, período que o Renascentismo passou a popularizar a impressão dos relatos que, pela tradição, eram feitos oralmente. No Brasil, chegou no século XVIII, período da colonização portuguesa. A princípio, a maioria dos autores da literatura de cordel brasileira eram cantadores e criavam os versos de improviso. Muitos escritores foram influenciados pela literatura de cordel, como: João Cabral de Melo, Ariano Suassuna, José Lins do Rego e Guimarães Rosa.

Com o passar dos anos, essa arte conquistou muitos admiradores e especialistas em compor cordéis. O médico oftalmologista Levi Madeira é um deles. O Dr. Levi cria cordéis de diferentes temas, inclusive os ligados à medicina, e o faz com maestria. Informa, educa e transforma de uma forma criativa e divertida um assunto que, para os leigos, é difícil compreender, em uma leitura agradável repleta de novos conhecimentos. É o caso dos cordéis “Cirurgiando”, “Mal de Alzheimer”, entre outros.

O doutor Levi já compôs mais de 200 cordéis, dentre os quais estão alguns que eternizaram várias histórias: de amor, de uma cadelinha chamada Hanna, de empresas, de turmas de escola, etc., pois foram impressos em livros. Suas obras conquistaram leitores no Brasil e no Exterior.  São eles:

A Alma de um Milharal - MA

A Maldição do Milho de Pipoca - PI

Autobiografia em Cordel - CE

Bravo Nordestino – MA

Conferência Distrital - PI   

Dr. Wantan Laércio - Homem de Visão - CE

Elisabeth e sua História - MA

Hanna a Cadela que queria ser Gente – CE

João Miguel – Impossível Conhecer e Esquecer - CE

Parnaso Oftálmico - CE

Turminha do Coração - CE

Um Sonho Realizado ou Não? PA

Vida Cá Vida Lá - CE

Vila Real – Portugal

Vision Laser 20 anos - CE

Visita Oficial - Cordel do Governador - MA        

Apesar de sua popularidade, a literatura de cordel não é uma arte simples de compor. Há regras que devem ser seguidas e quanto mais conhecimento, bagagem cultural, vocabulário e criatividade o cordelista possuir, mais rico e emocionante será o cordel. Devido à grande procura, Levi Madeira lançou o “Cordel Por Encomenda”. O médico cria cordéis metrificados em sextilhas – estrofe de seis versos heptassilábicos. O número de estrofes varia e, segundo ele, o ideal é entre 12 e 20 estrofes. Pelas mãos e inspiração de Levi é possível transformar qualquer assunto, história, em cordel. Seja no âmbito familiar ou profissional.

Levi Madeira, com suas habilidades de cordelista, difunde essa importante arte que, no Brasil, tem seu berço no nordeste brasileiro. É comum um paciente ou um representante chegar à clínica e ser presenteado com um cordel; escrito durante a consulta, em minutos. O médico, ainda, reserva um tempo, em sua concorrida agenda, para declamar cordéis. Levi costuma finalizar seus cordéis com uma breve apresentação:

“Meu nome é Levi Madeira

Eu nasci lá no sertão

Meu sonho desde menino

Ter futuro e profissão

Sou  hoje oftalmologista

Também sou um cordelista

Sou um homem de visão”

SOBREFonte: História do Cordel 

Texto

Marcela Re Ribeiro

Jornalista – Mtb: 22.945

Contatos: 11 99786-2781 (WhatSapp)

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Última modificação em 17 Novembro 2016
Marcela Re Ribeiro

Graduada em Comunicação Social, com especialização em jornalismo e reconhecimento de grau pela Universidade do Minho/Portugal, trabalhou nessa área por mais de 20 anos. 
 
Atualmente dedica seu tempo para escrever contos, crônicas, poemas e artigos. Participou de várias antologias e, em março de 2013, lançou seu primeiro livro nos USA, “Welcome to My Heart” pela PublishAmerica. Historicamente, foi a primeira vez que a editora aceitou publicar uma obra de um autor residente no Brasil. A autora promete um romance policial para 2016.
 
“Não sou uma escritora de poemas ou romances. Sou uma escritora. Escrevo o que minha inspiração exala. Escrever é minha paixão. Então, eu me entrego às sensações e deixo os meus pensamentos fluírem.”
 
 
LIVROS:
 
LITERATURA INFANTOJUVENIL - 2015
 
POESIA (inglês) - 2013
 
LITERATURA ERÓTICA - 2013
SEXO GOSTOSO


ANTOLOGIAS:
 
1) Os Mais Belos Poemas de Amor - 2012
2) Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - 2012
3) Palavras sem Fronteiras II - 2012
4) Poetize 2013 - Concurso Nacional de Novos Poetas
5) 4ª Antologia Poética da Academia de Letras e Artes de Fortaleza - 2013
6) Rima Rara  - Concurso Nacional de Novos Poetas - 2013
7) Crowdsourcing Immortality - 2014
8) Brasil Poesia Hoje - 2015
9) Interfaces de Amor e Paz - 2016

Website.: bit.ly/pequenasophie

Mídia

Cordel - O Caboclo Medroso Levi Madeira