Cultura
Virada Cultural reuniu mais de 10 mil pessoas
Publicado em Cultura

Evento aconteceu nos dias 6 e 7 de setembro e encantou pela diversidade cultural

A Virada Cultural – Cultura e Movimento reuniu mais de 10 mil pessoas nos dias 6 e 7 de setembro em Uberlândia. O evento foi realizado pela segunda vez, pela VIVA Marketing Eventos e Cultura. O público aproveitou os shows, apresentações de teatro, literatura, oficinas, danças, feira de artesanato e a culinária do espaço gourmet, oferecido por mais de 20 food trucks.

Quem foi para o Teatro Municipal embarcou na mistura harmoniosa entre, dança, música e diversas atividades culturais, como as oficinas de Origami, Lambe-Lambe, poesia, arte com recicláveis e grafitti. O público pôde prestigiar as apresentações de dança com a Cia El Marouni, a Escola de dança Leandro Theodoro e o grupo Passo Art, Dom Quixote – SESC, Balaio de Chita, Cia de Dança Família Brilho Negro, Cedro do Líbano e Grupo de Dança Cris Cabral.

A programação musical ficou por conta das bandas Trio Sucupira, Quarteto Vagamundo, Mari Simões e Banda e Grupo de percussão, Orquestra SESC de Viola, Saravashivaya, Banda Goma, Renato Quase Russo e Luau L. Nos intervalos, os DJs Amanda Bredariol e João Gurgel tocaram os melhores hits no palco Coca Cola, garantindo que ninguém ficasse parado.

O público ficou encantado com a diversidade do evento. A dona de casa, Ieda Silva, 43, esteve com a família e elogiou. “Tudo que vi aqui na Virada Cultural enche os olhos, porque o espaço reuniu um pouquinho de tudo, e ficou em harmonia, uma coisa com as outras. É muito importante, ter em uma cidade como Uberlândia, que acolhe pessoas de todas as partes um evento que possibilite essa mistura de cultura e de gostos.”, contou.

Viradinha Kids

A Viradinha Kids garantiu o sucesso da edição anterior e recebeu mais de 1.000 pessoas na vasta programação, feita especialmente para os pequenos, que incluiu apresentação teatral, brincadeiras, cantigas contação de história e apresentação da Orquestra Espaço Alexa.

As escritoras Ivone Assis e Raquel Ordones interpretaram no palco do Teatro Municipal a história contada com o tema “O medo do escuro”. O Grupo Emcantar prendeu a atenção das crianças e dos pais com a apresentação do espetáculo a “Nova estória da Dona Baratinha”. A programação ainda incluiu o “Espaço Literário”, com a Contação de histórias, brincadeiras e cantigas das escritoras Taty Zanesco e Lêda Gonzaga.

O evento foi completamente gratuito e quem esteve por lá aprovou tudo que viu. O motorista e segurança, Wesley Domingues, foi com a esposa, o filho de um ano e cinco meses e a filha de 3 anos. “Minha filha adorou e até tirou fotos. A produção do evento está de parabéns é importante para a sociedade, principalmente mais carentes, ter a oportunidade de assistir a apresentações gratuitas. O evento dá oportunidade pra quem nunca foi a um teatro se apaixonar, e quem sabe tomar este rumo da arte em suas vidas. Só tenho a agradecer pela oportunidade de levar meus filhos neste sonho”, afirmou.

Diversidade cultural

O Grupo de teatro, Cia Líquida de Teatro, apresentou a peça “O homem que mastigava planetas”, reunindo um grande público na área interna do Teatro Municipal, que recebeu também a exposição dos alunos do curso de Artes Visuais da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e de artistas de Uberlândia. Na área externa mais de 90 artesãos do núcleo de artesanato da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub) fizeram parte da feira de artesanato. A Pueblo Livraria vendeu livros de diversos autores, com uma sessão exclusiva de autores da cidade.

Durante os dois dias a Virada Cultural contou ainda com o Festival Gastronômico Comboio Cult, com diversas opções da culinária gourmet. No total, 21 food trucks ofereceram para o público uma cardápio diversificado, e todos tinham opções com queijo canastra ou doce de leite na receita, pratos criados exclusivamente para o festival.

“A Virada Cultural foi do jeito que imaginávamos. Conseguimos mais uma vez lançar uma semente para as próximas edições. Nosso objetivo era proporcionar a diversidade cultural e artística de Uberlândia em um evento com vários ambientes. E foi tudo perfeito e cativante. Abrimos as portas para nossos artistas, porque é importante valorizarmos nossos talentos. Nossa cidade é extremamente rica culturalmente, tanto em quantidade como em qualidade, e a terceira edição promete ser ainda melhor”, disse a diretora executiva da VIVA Marketing Eventos e Cultura, Antônia Nunes de Oliveira.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento foi uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping e Parceria Sesc e Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia  e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

O Lobo Bom é destaque entre as atividades para as crianças nesse feriado da Independência
Publicado em Turismo

De quinta (07) a domingo (10), a casa oferece uma programação especial para crianças

Quem decidiu ficar em Curitiba neste feriado tem uma excelente opção de lazer e diversão para criançada. Trinity Gastronomia e Arte, o mais novo centro cultural da cidade, com seu jardim de esculturas e diligência do velho oeste americano, preparou uma série de atrações para receber a sua família. Aos pais a melhor opção é o almoço com cardápio que mistura a cozinha Creole Cajun e pratos típicos do Paraná.

A programação infantil conta com diversas atividades para esses quatro dias: oficinas de argila, mosaicos, atividades de pintura, contação de histórias, percussão infantil e jardinagem. Um dos destaques entre as atrações é a “Contação de Histórias”, projeto conduzido pelo ator e mediador de leitura Kenni Rogers, que interpreta o Lobo Bom. “Sempre com um bom livro na mão e muitas histórias pra contar, o Lobo Bom incentiva a leitura, a sustentabilidade, preservação da natureza, o respeito e o amor ao próximo”, conclui Rogers.

Confira outros destaques da programação do TRINITY GASTRONOMIA em parceria com o Trio Contarte, Criança na Platéia e Pintando na Calçada. As brincadeiras que terão início na manhã desta quinta (07) e vão até domingo (10).

PROGRAMAÇÃO CIRCUITO DA CRIANÇA
07 de setembro
11h30 – Oficina de Argila
13h30 – Oficina de Mosaico + Pintando na Calçada
15h30 – Oficina Mini Tela Nossa Pátria

PROGRAMAÇÃO DO TRINITY GASTRONOMIA E ARTE
08 de setembro
11h30 – Contação de História
14h – Percussão Infantil
15h30 – Jardinagem

PROGRAMAÇÃO CIRCUITO DA CRIANÇA
09 de setembro
11h30 – Oficina Criando e Construindo Joguinhos
13h30 – Oficina Pintura em Mini Gesso + Pintando na Calçada
15h30 – Oficina de Argila

PROGRAMAÇÃO DO TRINITY GASTRONOMIA E ARTE
10 de setembro
11h30 – Contação de História
14h – Percussão Infantil
15h30 – Jardinagem

Serviço:
Local:
Trinity Gastronomia e Arte
Endereço:
Visconde de Guarapuava, 70, esq. c/ Rua Prefeito Angelo Lopes – Alto da XV
Horário das oficinas: 11h30 às 16h
Horário do restaurante:
início 12h
Contato para reservas: (41) 3262 7929
Formas de pagamento dinheiro e cartões:
American Express, Dinheiro, Hipercard, Visa, MasterCard, MasterCard Maestro, Visa Electron

Segundo dia de Virada Cultural será de muita música, gastronomia e dança
Publicado em Cultura

Segundo dia de Virada Cultural será de muita música, gastronomia e dança

Shows têm início às 17h; Renato Quase Russo e Banda Goma são duas das atrações da noite

O segundo dia da Virada Cultural – Cultura e Movimento de Uberlândia, que acontecerá nesta quinta-feira (7), será cheio de diversão e boas energias. Os espetáculos musicais e de dança começam a partir das 17h com o som do DJ João Gurgel, seguido da Orquestra de Viola do SESC, Saravashivaya, Banda Goma, Renato Quase Russo e Luau L. 

Além da música, a Virada Cultural vai ter apresentação de dança a partir das 17h50, com Corpos de Dom Quixote – SESC, Balaio de Chita e Grupo de Dança Cris Cabral. A programação ainda inclui o “Espaço Literário”, com a   Contação de estórias brincadeiras e cantigas das escritoras Taty Zanesco e Lêda Gonzaga, Crônica com Mônica Cunha, e bate-papo com escritores com o tema: “A literatura de Uberlândia e como atrair mais leitores em nossa cidade”, dentre outras atividades literárias.

Teatro

Às 17h05, o grupo Cia Líquida de Teatro irá apresentar a peça “O homem que mastigava planetas”. O enredo se resume a um homem vagando no espaço. Poderá esse último homem advogar, em um tribunal estelar, a favor de nós? O espetáculo que tenta percorrer em vão toda a história da humanidade. A epopeia do último homem que, soterrado em si mesmo, à mercê de um tribunal alienígena, buscará trazer à luz toda uma espécie extinta, suas conquistas e mazelas, suas grandezas e mediocridades, a partir do pouco que sobrou e que ainda funciona – um corpo, um cérebro, algum lixo espacial.

A entrada é gratuita, mas serão distribuídos ingressos 01 hora antes do espetáculo. Local sujeito à lotação.

Festival Gastronômico Comboio Cult

A Virada Cultural conta ainda com o Festival Gastronômico Comboio Cult, que promete reunir diversas opções da culinária gourmet. No total, serão mais de 15 veículos da Associação Comboio de Food Trucks com um mix completo. Será oferecida uma diversidade de pratos e todos preparados com queijo canastra ou doce de leite.

Artes visuais, oficinas e artesanato

Durante toda a programação o público poderá ver a exposição dos alunos do curso de Artes Visuais da Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e de artistas de Uberlândia. A partir das 17h, começam também as oficinas de Grafitti, Origami e Poesia.

Mais de 90 artesãos do núcleo de artesanato da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub) vão expor durante Virada Cultural. Durante o evento, serão expostos itens para decoração, utilitários domésticos, toalhas, colchas e produtos feitos a partir de papéis recicláveis. Todas as peças, produzidas pelos artesãos, estarão à venda, com preços acessíveis. 

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria Sesc e Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia  e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Serviços:
Virada Cultural – Cultura e Movimento
Data: 07de setembro
Horário: De 17h às 23h
Local: Teatro Municipal – Avenida Rondon Pacheco, 7070 – Tibery

Sesc leva arte cênica para a Virada Cultural de Uberlândia
Publicado em Cultura

Evento acontece pela segunda vez na cidade e conta com shows, dança, teatro e oficinas

Começa nesta quarta-feira (6), a Virada Cultural de Uberlândia que está em sua 2ª edição. O evento acontece durante dois dias no Teatro Municipal da  cidade e conta com o apoio do Serviço Social do Comércio (Sesc). A programação tem início às 17h e termina às 23h.

De acordo com a gerente de unidade do Sesc, Daniella Aparecida Soares, a parceria entre a instituição com a Virada Cultural se deu pela relevância do Sesc no fomento de ações de cultura em todo o estado de Minas Gerais, valorizando as diversidades de manifestações culturais e suas expressões.

“É importante que a participação na Virada Cultural seja uma forma de apresentar e incentivar as linguagens, criatividade, busca pela experimentação, fomentando novos adeptos a cultura com maior naturalidade, encantando a população e também presenteando aqueles que estão no meio cultural e tem anseio por eventos de tal visibilidade e participação da sociedade”, afirmou.

O Sesc vai participar da Virada Cultural com ações que destacam as diversas manifestações como a arte cênica, através de  contações de histórias, cinematográficas, literatura, por meio do “Livro ao Pé da Árvore” e dança representada pelo ballet, além da música, interpretada pela Orquestra Sesc de Viola.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria Sesc e Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Serviços:
Virada Cultural – Cultura e Movimento
Data: 06 e 07 de setembro
Horário: A partir das 17h
Local: Teatro Municipal – Avenida Rondon Pacheco, 7070 – Tibery

Mais de 90 artesãos do núcleo de artesanato da Aciub vão expor durante Virada Cultural de Uberlândia
Publicado em Cultura

O evento tem entrada gratuita e contará com apresentações culturais e espaço gourmet

Os artesanatos produzidos pelos artesãos associados do Núcleo Empreender da ACIUB - Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub) serão expostos durante a 2ª edição da Virada Cultural – Cultura e Movimento, que acontecerá nos dias 6 e 7 de setembro, no Teatro Municipal da cidade. O evento ainda conta com programações musicais, teatrais e literárias, além de um festival gastronômico, com mais de 15 food trucks e praça de alimentação.

Durante o festival, o público poderá conhecer o trabalho minucioso feito por cerca de 80 artesãos do Núcleo de Artesanato da Aciub, desenvolvido cerca de 10 anos, por meio do Programa Empreender e ainda as criações de 15 artesãos da cidade que foram incluídos na exposição a pedido da organização do evento. Para Elder Lima, responsável pelo núcleo, o programa é uma mobilização em que empresários de micro, pequenas e medias empresas se reúnem, trocam experiências e atuam como agentes estratégicos no processo de desenvolvimento de Uberlândia e região.

Para melhor resultado dos trabalhos e como forma de competitividade entre os profissionais, atualmente a Aciub é dividida em quatro setores de artesanatos: Artesanatos da Aciub, Arte a Z, Arte das mãos e o núcleo Estação 4.  “O resultado dos núcleos setoriais, além das vantagens econômicas, é a aproximação dos empresários, antes unicamente concorrentes, que agora trabalham como parceiros do mesmo setor, com experiências semelhantes. Com isso, ganha o empresário, ganha o setor, ganha a cidade, ganha o estado”, conta Elder Lima.

Durante o evento, serão expostos itens para decoração, utilitários domésticos, toalhas, colchas e produtos feitos a partir de papéis recicláveis. Todas as peças, produzidas pelos artesões da Aciub, estarão à venda, com preços acessíveis. “A Virada Cultural é um grande presente para nossa cidade, pois é uma oportunidade de mostrarmos nosso trabalho para a população, além de reunir arte e cultura em um único lugar”, finaliza.

“Para nós da organização do evento, a parceria com uma associação é fundamental, pois precisamos que os expositores sejam orientados e tenham uma gestão no dia do evento. E o núcleo da Aciub cumpre esse papel, ressalta Antônia Nunnes, diretora da VIVA Marketing Eventos e Cultura.

 Os artesãos que entraram em contato direto com a VIVA Marketing foram direcionados para a Aciub que selecionou 15 artistas para participar da exposição.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria Sesc e Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Serviços:
Virada Cultural – Cultura e Movimento
Data: 6 e 7 de setembro
Horário: A partir das 17h
Local: Teatro Municipal – Avenida Rondon Pacheco, 7070 - Tibery

Apresentações de dança movimentam Virada Cultural em Uberlândia
Publicado em Cultura

Durante a programação o público poderá assistir apresentações de seis grupos de dança; evento é completamente gratuito

A dança é tida como uma, entre as várias formas de expressar os sentimentos por meio de passos, movimentos e gingados. Os visitantes que comparecerem á 2ª edição da Virada Cultural de Uberlândia poderão conferir de perto o trabalho realizado por diversos artistas e companhias de dança da região. Nesta quarta-feira (06), a apresentação ficará por conta do Studio de dança Passo de Art, a Escola de dança Leandro Theodoro e a Cia El Marouni. Já no feriado de 7 de setembro, a animação será com as apresentações do grupo de dança Cris Cabral, o grupo de Balaio de Chita e dos dançarinos do Sesc de Uberlândia, com a apresentação "Corpos e Dom Quixote". A Virada Cultural acontece a partir das 17h, no Teatro Municipal com entrada gratuita.

Durante os dois dias de programação os grupos de dança irão apresentar coreografias com o objetivo de atrair e envolver os visitantes da Virada Cultural.

Para a diretora executiva da Viva Marketing Eventos e Cultura, Antônia Nunes de Oliveira, quando as danças são realizadas de forma organizada, a apresentação prende a atenção do público e pode ser bastante impactante. “Nosso objetivo é proporcionar a interação com o público que vai estar presente durante o festival. Nessas apresentações, os grupos de danças se concentram em alguma parte do espaço e convida o público para participar. No ano passado aconteceu essa interação com o público e eles se mostraram bastante satisfeitos.”, concluiu.

Uma das apresentações esperadas pelo público será a do grupo de dança Balaio de Chita. O grupo está a seis anos levando animação por onde passa com os cerca de 25 integrantes que compõem o conjunto. Com passos precisos o rodado das longas saias, as dançarinas encantam o público com apresentações de Cacuriá, Ciranda, Coco, Jongo e Carimbo.

O grupo promete encantar o público com apresentações de canto e dança dos diversos ritmos populares brasileiros, como a ciranda dançada e cantada nas beiras do mar no Nordeste, a ciranda de Pernambuco, o cacuriá e o caroço do estado do Maranhão, o Jongo no Rio de Janeiro e São Paulo, o batuque de umbigada no interior paulista e tradicional a congada praticada no estado de Minas Gerais.

Para Fernanda Abreu, integrante do grupo, eles se intitulam como um grupo de pesquisa e práticas brasileiras, que recriam e reinventam suas danças. “Para o festival, estamos ensaiando a coreografia dinâmica. Estamos animados com a apresentação. O grupo inteiro está muito empolgado porque o festival dá visibilidade para nosso grupo, nascido em Uberlândia. Somos um grupo legitimamente mineiro, mas com todos os ritmos da cultura popular brasileira.”, finaliza.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria, Sesc e Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Programação:
Apresentações Grupos: Passo de Art, Escola de dança Leandro Theodoro, Cia EL Marouni
Data: 6 de setembro (quarta-feira)
Horário: A partir das 18h30

Apresentação grupos de dança Grupos: Corpos e Dom Quixote (Sesc), Balaio de Chita, Grupo de dança Cris Cabral
Data: 7 de setembro (quinta-feira)
Horário: A partir das 18h30

Serviços:
2ª edição da Virada Cultural - Cultura e Movimento em Uberlândia
Apresentação dos grupos de dança
Horário: A partir das 17h
Local: Teatro Municipal 

Viradinha Kids será realizada pela 2ª vez na Virada Cultural de Uberlândia
Publicado em Cultura

O evento gratuito acontecerá na parte interna do Teatro Municipal; umas das atrações é o Grupo Emcantar

A programação da segunda edição da Virada Cultural – Cultura e Movimento em Uberlândia contará mais uma vez com a Viradinha Kids, que foi sucesso de público em 2016, com a participação de mais de 500 crianças. Para esse ano, a programação inclui teatro, contação de história, brincadeiras e cantigas e ainda apresentação das crianças e adolescentes da orquestra Espaço Alexa.

Para a produtora da Viva Marketing Eventos e Cultura, Tatiane Oliveira, o sucesso da primeira edição fez com que a organização abrisse espaço mais uma vez na programação. “A adesão no ano passado foi muito grande e sentimos uma boa receptividade de quem esteve nas apresentações. Não só as crianças, os adultos que participaram aprovaram a iniciativa de termos planejado uma programação exclusiva para o público infantil”, afirmou.

Contação de história

As escritoras Ivone Assis e Raquel Ordones se apresentam com a contação de história “O medo do escuro”. A apresentação será no palco do Teatro Municipal, a partir das 18h40. “Nossa participação é uma contação. Acredito que levar a literatura com seriedade com um projeto que seja de valor cultural é sempre bom”, disse Ivone Assis.

Teatro

O Grupo Emcantar apresentará o espetáculo “A Nova Estória da Dona Baratinha”, com adaptação para musical. A apresentação cênico-musical, narra à divertida história da Dona Baratinha, que, ao contrário da história original, é uma barata moderna e independente. Toda a trama é duelada entre um Narrador que insiste em contar a tradicional história, e a própria Barata, que desabafa sobre quais são seus verdadeiros sonhos. Em meio a tantas reviravoltas, o público irá se divertir com canções do universo infantil e com possibilidades de reinventar essa história.

Brincadeiras e cantigas

No dia 7 de setembro, a partir das 18h será realizado no saguão do Teatro Municipal as brincadeiras e cantiga. Tá com Té e Leda Gonzaga apresentam “Brincadeiras e cantigas, nos embalos de carimbó”. Na apresentação, a nossa tradição cultural, bela e diversa, será experimentada de forma lúdica e cantada. Tatá, Teté e Leda Gonzaga convidam as crianças para brincar e entrar na roda, numa divertida vivência de conexão com o passado e o presente.

As brincadeiras e cantigas baseadas na poética, diversão e melodia de “Brincar é...” da escritora Tatyana Zanesco e a magia de “A saia mágica de Alice” da escritora Leda Gonzaga. As meninas estão convidadas a vestirem suas saias e meninos, suas calças largas. Vamos curtir o momento, viajar no tempo e embalar no ritmo de carimbó. Pés descalço: sincronia, vários movimentos criando um só!

Orquestra Espaço Alexa

Mais de 100 crianças e adolescentes com idades entre 6 e 16 anos irão se apresentar durante a programação da Viradinha Kids como parte do Projeto “Espaço Alexa de Música”. São 80 integrantes do Espaço Alexa Música do polo Aclimação e 28 do polo São Jorge.

De acordo com a gerente de projetos do Instituto Alexa, Roberta Jannini, o Espaço Alexa Música é um projeto realizado pelo instituto em parceria com a Escola Estadual Presidente Juscelino Kubitschek, do bairro Aclimação, que cede o espaço.  “Atualmente, no Polo Aclimação, atendemos cerca de 130 crianças e adolescentes, a maioria estudantes da escola JK. Os participantes têm aulas de violino, flauta, violão e percussão. Na área da música O Instituto Alexa patrocina o projeto "Toca que eu Canto", que acontece no bairro São Jorge. Os dois projetos se juntaram há três anos”, contou.

Confira o repertório que será apresentado pela Orquestra Espaço Alexa: Tema de abertura Quianzala - Maestro Quianzala; Halellujah – Leonard Cohen; Asa branca - Luiz Gonzaga; Oh Suzana - Stephen Foster; Trenzinho Caipira - H.Villa Lobos. O regente coordenador musical é Afonso Quianzala.

Conheça o Instituto Alexa

O Instituto Alexa é uma Organização da Sociedade Civil (OSC), sem fins lucrativos que desenvolve atividades com educadores, crianças e adolescentes de 6 a 16 anos, em parceria com associações e escolas da rede pública, nas áreas de cultura, educação, meio ambiente e saúde. O objetivo é contribuir para a formação de cidadãos conscientes.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria, Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Serviços:
Viradinha Kids
Data: 6 e 7 de setembro
Horário: Abertura dos portões a partir das 17h30
Local: Teatro Municipal (espaço sujeito à lotação)

Oficinas gratuitas serão oferecidas durante programação da Virada Cultural em Uberlândia
Publicado em Cultura

Atividades de origami, lambe-lambes, grafite, materiais de reciclagem e poesia serão oferecidos durante os dois dias de festival no Teatro Municipal

Com o objetivo de contextualizar a arte de forma diversificada, a Virada Cultural – Cultura e Movimento traz uma série de atividades durante a sua programação em Uberlândia. Mais de 150 artistas estarão envolvidos no evento que ainda conta com oficinas de lambe-lambes, origami, grafite, materiais de reciclagem e poesia. Os interessados em participar devem fazer a inscrição na página do evento, através do link que será divulgado. As vagas são limitadas.

A diretora executiva da Viva Marketing, Antônia Nunes de Oliveira, ressalta que a programação é totalmente gratuita e foi pensada para que o público possa ter acesso às diferentes artes durante toda a programação. “O evento abre portas para uma cultura diversificada, que vai além de uma alternativa de negócios. Nosso intuito também é estimular o trabalho dos profissionais criativos”, disse.

Lambe-lambes

É mais que comum ver cartazes colados em muros, pontos de ônibus e nos antigos orelhões telefônicos. A arte de colorir muros é uma nova linguagem da arte urbana, conhecida também como lambe-lambes. Serão oferecidas 10 vagas. O curso será ministrado pelo designer gráfico Frederico Oliveira, 30 anos, que vem com esse projeto desde o ano passado. “A oficina é bastante prática, com muita mão na massa. A ideia é falar um pouco sobre cartazes e lambe-lambe e ir para a colagem, que é bem divertida. A expectativa é apresentar o método às pessoas e, principalmente, nos divertir. Esse evento é muito bom, só tenho elogios, porque é uma grande programação cultural para a cidade”, contou.

Origami – Tsuru

A técnica teve origem no Japão, mas foi aperfeiçoada e propagada pelo mundo inteiro. As figuras representadas no origami têm diferentes significados para os japoneses. O tsuru (cegonha), por exemplo, simboliza a felicidade, boa sorte e saúde. As primeiras dobraduras foram criadas quando o Estado e a religião eram um só, dessa forma representavam a natureza das cerimônias religiosas. Serão oferecidas 20 vagas.

O criativo publicitário, Lucas Mendes, vai ministrar a oficina pela segunda vez e disse que o trabalho tem base na dobradura Tsuru, o tradicional passarinho de origami. Seria o nível um para quem quer começar a aprender dobraduras. “Participam crianças e adultos, mas na minha visão, todos se tornam crianças ao primeiro contato com a arte das dobraduras. A Virada Cultural de Uberlândia é um evento grandiosíssimo que coloca o conceito de cultura compartilhada em prática para a população da cidade. Um mix de atividades interessantes, num contexto organizacional que permite acesso a todos. Uma honra e imensa gratidão participar dessa edição”, disse.

Poesia

Serão oferecidas 20 vagas para a oficina, que será ministrada pela escritora, Isabela Gonçalves, que participou da primeira edição da Virada Cultural com a oficina de poema/escrita. Seu primeiro livro “Uma história entre nós”, foi publicado esse ano pela Editora Benvirá. A obra é um romance contado em 160 frases. A escritora preparou uma oficina sobre escrita abordando temas como publicação de livros, tipos de publicação, inspiração e exemplos de escritores.

Precisamos mostrar a arte, discutir, sentir e viver, afinal a arte é uma salvação para ambos os lados. Salva a quem a cria e a quem a absorve. É a expressão máxima daquilo que se sente ou se deseja sentir e, por isso, deve ser incentivada. Precisamos saber sentir mais. Minha expectativa é fazer com que as pessoas vejam a escrita e a arte em geral de uma maneira diferente e saibam que é possível realizar o sonho de viver da arte, mas para isso é preciso valorizar primeiro. Espero conseguir ajudar com dicas, conselhos, exemplos e diálogos”, concluiu.

Grafite

O grafite é um dos elementos da cultura Hip Hop que tem como objetivo expressar sentimentos e mostrar diferentes técnicas de pintura e será uma das atividades da Virada Cultural. O curso será ministrado pelo estudante de artes visuais, Lucas Castro, que começou a pintar aos 12 anos. Ele gosta de tipografia, a fontes de letras é a sua praia. Natural de São Bernardo do Campo, São Paulo, mora em Uberlândia há quatro anos. A oficina tem o intuito mostrar aonde nasceu o grafite, porque ele existe e ensinar a base da formação das letras e como manusear o spray para realizar um trabalho. Serão oferecidas 10 vagas. Atividades acontecem das 17h às 19h.

Materiais de reciclagem

A oficina de materiais de reciclagem vai utilizar o artesanato em E.V.A e dobraduras. Ambas as técnicas são preferidas dos artesãos, por ser um material de fácil acesso. O curso será ministrado pelas oficineiras do Senac de Uberlândia, Vanessa Ramos e Vanessa Leal. Serão oferecidas 40 vagas, 20 por hora. As atividades tem início às 19h e vai até às 21h.

A 2ª Virada Cultural de Uberlândia – Cultura em Movimento é uma realização da Viva Marketing Eventos e Cultura, com o patrocínio da Uberlândia Refrescos, Instituto Alexa e Alesbisa por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura. Fomento da Codemig e apoio do Colégio Nacional, Start Química, Provanza, Hospital Santa Clara, Center Shopping. Parceria, Senac. Mais informações na página: www.facebook.com/viradaculturaluberlandia e no site www.viradaculturaluberlandia.com.br

Serviços:
Oficinas culturais - Lambe-lambes, origami e poesia
Data: 06 e 07 de setembro
Inscrições pelo link:
https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc7oPdbAHWRonK0NnXAuVezQ2-FxQYwTOGJ1eXWugZQ73p57w/viewform
Vagas: Limitadas
Local: Teatro Municipal - Av. Rondon Pacheco, 7070 - Tibery 
Entrada: Gratuita 

RAFAEL DURAN
Publicado em Cultura
Quarta, 28 Setembro 2016 12:41

Arte na Capital – Quarta Cultural

Arte na Capital – Quarta Cultural

RELEASE:

Dando continuidade ao processo de revitalização do Centro da Capital, está de volta o Projeto Arte na Capital - Quarta Musical, promovido pela Administração Regional do Plano Piloto, no Setor Comercial Sul em Brasília DF.

O objetivo é retomar espaços "esquecidos" levando cultura e lazer  para a população. O Projeto está com um formato novo e terá feira mista, food trucks e happy hour, com apresentação de artistas locais.

O Musico que irá se apresentar amanhã (28 DE SETEMBRO), a partir das 18hs, será o Músico instrumentista Rafael Duran.

CHAMADA:

Se você ainda não participou do Arte na Capital – Quarta Cultural no Setor Comercial Sul, sua oportunidade de conhecer grandes artistas de nossa cidade tem novas datas. Toda quarta-feira se apresentam, no estacionamento da quadra 06 do Setor Comercial Sul, bem ali em frente ao Pátio Brasil, músicos de várias vertentes e estilos. Revitalizar o Centro da Cidade, levando música de qualidade é o objetivo do Projeto da Administração Regional do Plano Piloto. Os artistas se apresentam sempre a partir da 18h. fiquem ligados aqui na Radio Cultura  para saber das atrações semanais.  E saibam um pouco mais do ARTE NA CAPITAL. O artista dessa quarta feira dia 28 de Setembro , a partir das 18hs, será Musico instrumentista Rafael Duran.


SERVIÇO
Evento:  Arte na Capital – Quarta Cultural
Atrações: Food truks, feita mista de artesanato, apresentação musical com o Musico instrumentista Rafael Duran.

Data: quarta feira dia 28 de setembro,

Horário:   a partir das 1&hs,

Local: estacionamento da quadra 06 do Setor Comercial Sul, Asa Sul Brasília DF
Classificação indicativa: Livre
Informações ASCOM RA-I 061-3329-0418

RAFAEL DURAN
Publicado em Cultura
Quarta, 28 Setembro 2016 12:41

Arte na Capital – Quarta Cultural

Arte na Capital – Quarta Cultural

RELEASE:

Dando continuidade ao processo de revitalização do Centro da Capital, está de volta o Projeto Arte na Capital - Quarta Musical, promovido pela Administração Regional do Plano Piloto, no Setor Comercial Sul em Brasília DF.

O objetivo é retomar espaços "esquecidos" levando cultura e lazer  para a população. O Projeto está com um formato novo e terá feira mista, food trucks e happy hour, com apresentação de artistas locais.

O Musico que irá se apresentar amanhã (28 DE SETEMBRO), a partir das 18hs, será o Músico instrumentista Rafael Duran.

CHAMADA:

Se você ainda não participou do Arte na Capital – Quarta Cultural no Setor Comercial Sul, sua oportunidade de conhecer grandes artistas de nossa cidade tem novas datas. Toda quarta-feira se apresentam, no estacionamento da quadra 06 do Setor Comercial Sul, bem ali em frente ao Pátio Brasil, músicos de várias vertentes e estilos. Revitalizar o Centro da Cidade, levando música de qualidade é o objetivo do Projeto da Administração Regional do Plano Piloto. Os artistas se apresentam sempre a partir da 18h. fiquem ligados aqui na Radio Cultura  para saber das atrações semanais.  E saibam um pouco mais do ARTE NA CAPITAL. O artista dessa quarta feira dia 28 de Setembro , a partir das 18hs, será Musico instrumentista Rafael Duran.


SERVIÇO
Evento:  Arte na Capital – Quarta Cultural
Atrações: Food truks, feita mista de artesanato, apresentação musical com o Musico instrumentista Rafael Duran.

Data: quarta feira dia 28 de setembro,

Horário:   a partir das 1&hs,

Local: estacionamento da quadra 06 do Setor Comercial Sul, Asa Sul Brasília DF
Classificação indicativa: Livre
Informações ASCOM RA-I 061-3329-0418