Publicado em Cultura

Novo CD de Alfredo Dias Gomes celebra percussionista Charles Don Alias.

por em25 Julho 2017 143 acessos
  • .
Report ThisConteúdo Inadequado? Avise-nos

Tributo a Don Alias Tributo a Don Alias Rec Design

ALFREDO DIAS GOMES HOMENAGEIA O PERCUSSIONISTA DON ALIAS EM NOVO DISCO

O álbum Tributo a Don Alias celebra a memória do percussionista Charles “Don” Alias, falecido no ano de 2006 em Nova York.  O repertório traz composições de Alias, como Georgia O,  Sweetie-Pie, Samba De Negro, Uncle Jemima e Vaya Mulatto. E ainda Creepin, de Stevie Wonder e On the Foot Peg, do compositor e instrumentista brasileiro Marcio Montarroyos. O trabalho se completa com um solo realizado por Alfredo Dias Gomes em homenagem ao percussionista.

“Este álbum é uma homenagem ao grande percussionista e baterista Charles “Don” Alias, que tive o privilégio de conhecer e ter aulas de bateria quando estava no Brasil.  Don Alias foi o meu grande professor de jazz e jazz fusion.  A pegada forte, a maneira de tocar... aprendi com ele.  Minha carreira começou em uma de suas aulas quando Hermeto chegou ao estúdio, me ouviu tocar e me convidou a integrar sua banda. Assim, aos 18 anos estreei profissionalmente na música instrumental. Don Alias foi uma grande inspiração e um grande incentivador do meu trabalho. Com este álbum quero agradecer e retribuir tudo o que aprendi com ele”, diz Alfredo.

Don Alias é reconhecido por seu trabalho na vanguarda do movimento fusion. Filho de imigrantes caribenhos, cresceu no Harlem, onde absorveu as lições dos percussionistas da vizinhança cubana e porto-riquenha. Tocou com Dizzy Gillespie, Nina Simone, Miles Davis, Herbie Hancock, Tony Williams, Pat Metheny, Jack DeJohnette, Jaco Patorius, David Sanborn e Joni Mitchell, entre outros. Com Gene Perla e o saxofonista Steve Grossman criou a banda de fusion afro-cubano Stone Alliance. Com a banda realizou uma turnê pela América do Sul, participando de diversos discos, trabalhando inclusive com Marcio Montarroyos.

Nascido no Rio de Janeiro, em 1960, Alfredo Dias Gomes estreou profissionalmente na Música instrumental aos 18 anos, tocando na banda de Hermeto Pascoal. Gravou o disco "Cérebro Magnético" e tocou em inúmeros shows, com destaque para o II Festival de Jazz de São Paulo e o Rio Monterrey Festival. Alfredo tocou e gravou com grandes nomes da música instrumental como Márcio Montarroyos, Ricardo Silveira, Torcuato Mariano, Arthur Maia, Nico Assumpção, Guilherme Dias Gomes, Luizão Maia, entre outros.  Participou do grupo Heróis da Resistência. Trabalhou com Ivan Lins, Lulu Santos, Ritchie, Kid Abelha e Sergio Dias (Mutantes),  entre outros.  Tributo a Don Alias é o sétimo álbum de sua carreira solo. Completam sua discografia Pulse, de 2016;  Looking Back, de 2015; Corona Borealis, lançado em 2010; Groove, de 2005; Atmosfera, gravado em 1996 - com participações de Frank Gambale e Dominic Miller (Sting); Alfredo Dias Gomes, de 1991, com a participação especial de Ivan Lins; e o single Serviço Secreto, de 1985.

Em Tributo a Don Alias, a bateria de Alfredo Dias Gomes é acompanhada pela banda formada por Widor Santiago (sax tenor), Yuval Ben Lior (guitarra), Lulu Martin (teclado) e Berval Moraes (baixo). O álbum conta ainda com a participação do percussionista Marco Lobo que já integrou bandas de músicos consagrados da MPB como Milton Nascimento, Maria Bethania, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Marisa Monte, Lenine, Virgínia Rodrigues, entre outros, e desde 2006 desenvolve projetos com o baterista Billy Cobham.

Tributo a Don Alias está disponível no ITunes, Spotify, CDBaby e demais plataformas digitais.

 FICHA TÉCNICA

  1. Georgia O (Don Alias)
  2. Sweetie-Pie (Don Alias)
  3. Samba de Negro (Don Alias)
  4. Creepin' (Stevie Wonder)
  5. Uncle Jemima (Don Alias)
  6. Vaya Mulatto (Don Alias)
  7. On The Foot Peg (Marcio Montarroyos)
  8. Solo Dedicated to Don Alias (ADG)

 

 MÚSICOS

 Alfredo Dias Gomes – Bateria, teclados em Georgia O e Uncle Jemima

Widor Santiago – Sax

Yuval Ben Lior - Guitarra

Berval Moraes - Baixo

Marco Lobo - Congas, bongos, ganzá e efeitos percussivos

Lulu Martin – teclados em Georgia O, Creepin', Uncle Jemima e On The Foot Peg

 

Gravado e mixado em ADG Studio por Thiago Kropf

Masterizado em Magic Master por Ricardo Garcia

Design gráfico - REC design

Produzido por Alfredo Dias Gomes

Contato para imprensa:

Tempo3 Comunicação | Andréa Loureiro – 27 98153-5070  Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.