Publicado em Tecnologia

Especialista em marketing digital aponta tendências de conteúdo para 2017

por em15 Março 2017 167 acessos
  • .
Report ThisConteúdo Inadequado? Avise-nos

Andre Miceli Andre Miceli Divulgação

O professor da FGV, Andre Miceli, destaca o uso dos bots, a força das plataformas de vídeo e o crescimento dos anúncios via mobile

‘Conteúdo é rei’. Essa frase traduz a exata importância da produção de conteúdo no processo de construção e fortalecimento de marcas, conceitos e ideias, em especial no ambiente digital. As constantes mudanças no campo da tecnologia e na forma como as pessoas se relacionam trazem desafios diários para os profissionais de marketing digital. É nesse cenário que o conteúdo se consolida como uma ferramenta valiosa para engajar o público.

O coordenador do MBA e Pós-MBA em Marketing Digital da Fundação Getulio Vargas (FGV) e professor do International Master’s Program da EBAPE, Andre Miceli, acaba de desenvolver um infográfico sobre as tendências globais para o Marketing de Conteúdo em 2017.

“Mais do que um exercício de adivinhação, observar as tendências ajuda as empresas a preparem investimentos e decidirem o caminho que irão percorrer ao longo do ano”, explica o especialista.

Para Miceli esse tipo de avaliação “pode causar um poderoso ‘efeito manada’ pois por acreditar que o mercado irá caminhar numa direção, muitas empresas acabam sendo guiadas pela crença e esse fato faz com que tendência se confirme”.

Segundo o professor, essas são as principais tendências de conteúdo para esse ano:

– Social Messaging: São 2 bilhões de usuários nas mídias sociais, um público que busca informações, que se posiciona, que demonstra atitude;

– Bots nas mensagens, a customização do atendimento por robôs;

– A luta contra notícias falsas. A internet como principal fonte de notícias, porém com transparência e credibilidade;

– Conteúdo autêntico nas plataformas de vídeo devem ser utilizados por mais de 40% dos gerentes de marketing esse ano. Novidades como o streaming live do Youtube merecem destaque;

– Migração do público do Snapchat para o Instagram Stories; Mais de 100 milhões de usuários acessam diariamente a plataforma de Mark Zuckerberg;

– Mobile Advertising. 80% das compras online são feitas via Facebook são realizadas pelo celular;

– Retorno do email marketing; Remodelado, com conteúdo de qualidade e com utilização de vídeos, quiz e muito mais;

– Micromomentos: São momentos da jornada do usuário conectado a um dispositivo móvel, facilitando sua exposição a algo que ele deseje;

– Data driven insights. Personalização da coleta, armazenamento e interpretação dos dados;

– Influenciadores. 80% dos gerentes de marketing classificaram como eficientes suas campanhas com influenciadores em 2016. O retorno médio do investimento nesse tipo de ação é de U$6,85 para cada dólar investido.

Sobre Andre Miceli

André Lima-Cardoso Miceli é Mestre em Administração pelo Ibmec RJ, com MBA em Gestão de Negócios e Marketing pela mesma instituição. Coordenador do MBA e Pós-MBA em Marketing Digital da Fundação Getulio Vargas (FGV) e professor do International Master’s Program da EBAPE. Já ganhou mais de vinte prêmios de internet e tecnologia, incluindo o melhor aplicativo móvel desenvolvido no Brasil. Certificado no programa Advanced Executive Certificate in Management, Innovation & Technology do Massachusetts Institute of Technology (MIT). Cursou o programa de Negociação da Harvard Law School. É Graduado em Tecnologia e Processamento de Dados pela PUC-Rio. Autor dos livros “Planejamento de Marketing Digital”, “Estratégia Digital: vantagens competitivas na internet” e “UML Aplicada: da teoria à implementação”. É ainda fundador e Diretor Executivo da Infobase, uma das cinquenta maiores integradoras de TI do Brasil, e da agência digital IInterativa, atuando com clientes de diversos segmentos.