Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018

Em média, são furtados diariamente 203 carros e outros 77 são roubados. A capital, Santo André, Campinas e São Bernardo do Campo estão entre as cidades mais perigosa


Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 1

           A cada cinco minutos, um automóvel é roubado ou furtado, no Estado de São Paulo, segundo o Boletim Econômico Tracker-FECAP, que acaba de ser divulgado. O crime de furto é o preferido dos criminosos e corresponde a 72,6% das ocorrências (74.055 eventos, em 2018), contra 27,4% de roubo (27.964 eventos, no mesmo período). “Em tese, nesse tipo de delito existe menor risco de exposição por parte do criminoso e a punição por parte da justiça também é menor”, destaca o estudo, que é feito com base nos dados da Secretaria de Segurança Pública de SP. A íntegra está em https://www.flipsnack.com/boletimeconomico/tracker_fecap_marco_2019.html.

Apesar de altíssimos, os índices tiveram queda, na comparação com 2017: os furtos de automóveis caíram 9,8% e os roubos foram 21% menores do que no ano anterior. “No caso dos furtos, nos últimos três meses de 2018, os resultados alteram a direção e os furtos cresceram na comparação com os mesmos meses de 2017: outubro cresceu 11,7%, novembro 9,51% e dezembro 6,76%”, analisa o gerente de Marketing & Produtos do Grupo Tracker, Rodrigo Rufca. 

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 3

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 4

Furtos em detalhe

Os crimes de furtos ocorrem majoritariamente pela manhã, quando as pessoas deixam seus carros estacionados em locais próximos ao trabalho, escola ou academia. Esse período corresponde por 29% das ocorrências, seguido pelo período da noite com 24%.  

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 5

            As ocorrências de furto acontecem, em sua imensa maioria, em vias públicas, 82,79%. As ocorrências de furtos em estacionamentos, comércio, faculdade, residência somados não chegam a 6% de participação no total de furtos.

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 6

            A capital paulista responde por 41,5% de todas as ocorrências de furtos de automóveis, no estado de São Paulo. Das dez cidades com maior índice de ocorrência listadas na tabela, seis estão na região da Grande São Paulo: Santo André; Osasco; Guarulhos; São Bernardo do Campo; Mauá, São Paulo e juntas respondem a 57,4%. 

TOP 10 CIDADES FURTOS DE AUTOMÓVEIS

% Furtos

S.PAULO

41,46%

S.ANDRE

5,06%

CAMPINAS

4,42%

OSASCO

3,31%

GUARULHOS

3,19%

S.JOSE DOS CAMPOS

2,49%

S.BERNARDO DO CAMPO

2,19%

MAUA

2,14%

SOROCABA

1,73%

RIBEIRAO PRETO

1,58%

67,56%

Furtos na capital

Os períodos de ocorrências de furtos de automóveis na capital paulista são diferentes daqueles apresentados para o Estado. A maior concentração está no período da noite 26,83%. Já a madrugada responde por 24,32% e o período da tarde registrou a menor taxa 6,84%. O período da manhã representa 11,02%. Não foi possível identificar o período de ocorrência para 30,98% dos casos. 

O Boletim Tracker/FECAP também levantou que a maioria das ocorrências de furtos é em bairros próximos ao centro, como: Ipiranga, Vila Mariana, Perdizes, Lapa e Tatuapé. 

Top 20 Bairros

% Furtos

São Mateus

3,09%

Sapopemba

2,60%

Ipiranga

2,47%

Vila Mariana

2,35%

São Lucas

2,32%

Tatuapé

2,32%

Vila Prudente

2,28%

Penha

2,12%

Tucuruvi

2,04%

Perdizes

1,95%

Itaquera

1,94%

Agua Rasa

1,85%

Lapa

1,76%

Santana

1,72%

Vila Matilde

1,65%

Vila Maria

1,58%

Vila Formosa

1,54%

Aricanduva

1,40%

Vila Medeiros

1,40%

Carrão

1,33%

Na lista de logradouros preferidos pelos criminosos aparece a “Avenida Sapopemba”, que tem 45 km. Em seguida está a “Avenida Vereador Abel Ferreira”, que cruza os bairros de Vila Formosa e Água Rasa. “Nesta região, estão localizados hospitais e universidades, com uma grande população flutuante”, explica Rufca.

TOP LOUGRADOUROS EM 2018

AVENIDA SAPOPEMBA

AVENIDA VEREADOR ABEL FERREIRA

RUA ALVINOPOLIS

AVENIDA PRESIDENTE WILSON

AVENIDA RAGUEB CHOHFI

Avenida Doutor Francisco Mesquita

RUA ANGELO DE CANDIA

AVENIDA SAO MIGUEL

RUA DO MANIFESTO

RUA RENATO

AVENIDA FERNANDO DO ESPIRITO SANTO ALVES

AVENIDA MARECHAL TITO

AVENIDA MATEO BEI

AVENIDA MARECHAL EURICO GASPAR DUTRA

RUA NILO

AVENIDA ARICANDUVA

AVENIDA RIO DAS PEDRAS

RUA BARAO DO BANANAL

RUA CIPRIANO BARATA

RUA FRANCISCO MARENGO

Roubos em detalhe

O período com maior índice de roubo é o noturno, 44,37% do total. O momento que as pessoas estão voltando para casa, geralmente cansados do trabalho ou dos estudos e, portanto, mais desatentos, distraídos. 

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 7

De cada 10 roubos, 7 ocorrem em vias públicas, contra 5,5% das ocorrências em residência. 

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 8

O estudo indica que a densidade demográfica pode potencializar o número de ocorrências de roubo de automóveis. “A capital paulista responde por 41,6% das ocorrências de roubo, mas a população da capital representa apenas 26,7% da população do Estado. Essa diferença entre as proporções de roubo e da população também são verificadas em São Bernardo, Santo André, Diadema, Campinas, Guarulhos”, analisa o professor e coordenador do Núcleo de Pesquisa da FECAP, Erivaldo Costa Vieira.

TOP 10 CIDADES ROUBOS DE AUTOMÓVEIS

S.PAULO

41,59%

S.BERNARDO DO CAMPO

4,68%

S.ANDRE

4,61%

DIADEMA

4,49%

GUARULHOS

4,45%

CAMPINAS

3,80%

MAUA

2,64%

OSASCO

1,94%

ITAQUAQUECETUBA

1,83%

SUZANO

1,51%

Roubos na capital

Assim como os furtos, o número de roubo de automóveis nos três últimos meses de 2018 cresceu na capital paulista. 

Boletim Tracker-FECAP traça perfil do roubo e furto de automóveis no estado de São Paulo, em 2018 9

Na cidade de São Paulo, as ocorrências também se concentram no período da noite, 44,42%. As ocorrências no período da tarde e da manhã foram de 22,14% e 21,02%, respectivamente. “Os dez bairros que apresentaram maior taxa de ocorrência roubo na capital paulista são, em sua maioria, os mais populosos. Mas a taxa roubos de automóveis é maior que a taxa de participação relativa da população, o que implica em maior risco de ocorrência nestes bairros”, salienta o professor e coordenador do Núcleo de Pesquisa da FECAP.

TOP BAIRROS EM 2018

SAO MATEUS

3,86%

SAPOPEMBA

3,37%

IGUATEMI

2,99%

ITAIM PAULISTA

2,83%

JABAQUARA

2,83%

SAO RAFAEL

2,76%

SACOMA

2,68%

CIDADE ADEMAR

2,09%

GUAIANASES

2,00%

PIRITUBA

1,99%

CAPAO REDONDO

1,91%

Entre as vias mais perigosas estão a “Avenida Sapopemba” na Zona Leste e a “Estrada do Alvarenga”, na Zona Sul.  

TOP LOUGRADOUROS EM 2018

AVENIDA SAPOPEMBA

ESTRADA DO ALVARENGA

AVENIDA RAGUEB CHOHFI

RODOVIA BR 381

AVENIDA JACU PESSEGO NOVA TRABALHADORES

Avenida Aricanduva

AVENIDA RAIMUNDO PEREIRA DE MAGALHAES

ESTRADA DO M'BOI MIRIM

AVENIDA MARECHAL TITO

ESTRADA DE ITAPECERICA

AVENIDA CUPECE


DOC PRESS

Compartilhar Conteúdo
Release / Artigo
Texto com Imagens
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Fotos e Imagens