Copa Suzuki Jimny define campeões da temporada na quarta etapa


São Paulo (SP) – A elite da vela oceânica nacional conhecerá os campeões da Copa Suzuki Jimny na última etapa do evento, que está confirmada para os dias 26 e 27 de novembro e 3 e 4 de dezembro, no Yacht Club de Ilhabela (YCI). Até agora, as regatas nas classes Delta 32, HPE25, ORC e Skipper 21 foram marcadas pelo elevado nível técnico nas águas do litoral norte paulista. Porém, a mais equilibrada da temporada é a BRA-RGS. Em todas as divisões da categoria (A,B,C e Cruiser), a súmula mostra que tudo pode acontecer após as últimas provas.

“Como nada está definido, a organização tem a certeza de que a última etapa será mais uma vez um sucesso como as outras três. Em cada etapa, os velejadores enfrentaram condições climáticas distintas, mais um atrativo para deixar as regatas equilibradas”, contou José Manuel Nolasco, diretor de vela do YCI.

Na BRA-RGS A, por exemplo, o Fram de Felipe Aidar conseguiu abrir pequena vantagem sobre o Jazz, de Valéria Ravani, após a última etapa em Ilhabela, que serviu também como Campeonato Paulista 2011. No evento em setembro, o Fram conquistou o título que reuniu todas as categorias da BRA-RGS.

“A competição consolidou o espírito esportivo, a técnica de velejar e as boas disputas oceânicas. A regra deixou as regatas muito mais acirradas e emocionantes”, reforçou Walter Becker, presidente da categoria, que tem o maior número de barcos na flotilha.

Na BRA-RGS B, o Palmares de José Romariz tem vantagem sobre o BL3 Bematech (Clauberto Andrade) é só precisa ‘administrar’ a vantagem para conquistar a Copa Suzuki Jimny. Na C, o Pirajá, de Rubens Bueno, segue em primeiro, mas a atuação do Rainha, no mês passado, surpreendeu os adversários.

Na BRA-RGS Cruiser, o Helios II (Marcos Lobo) assumiu a liderança, mas YPYDY (Marco A. Aleixo) e Cocoon (Luiz Caggiano) seguem próximos na tabela dos resultados acumulados após três etapas.

Entre os barcos da HPE25, classe one design de vela oceânica, o Ginga (Breno Chvaicer) venceu as três etapas do ano e deverá confirmar o favoritismo em dezembro após as últimas regatas da classe. Entre os veleiros da ORC, com a desistência do Touché, o Orson/Mapfre, de Carlos Eduardo Souza e Silva, assumiu a ponta.

Na Skipper 21, o Alegria (Carlos Alberto Gallo) continua na liderança da competição em Ilhabela e na Delta 32, o melhor é o Palmares, que também é o melhor da BRA-RGS B.

Classificação acumulada – após três etapas:

ORC – 14 regatas, com 6 descartes
1-Orson (Carlos Eduardo Souza e Silva)-12 pp(1+2+3+6+2+2+5+3+2+2+1+2+1+1)

HPE – 23 regatas, com 6 descartes
1- Ginga(BrenoChvaicer) – 26 pp
(1+2+1+1+3+3+1+1+1+1+7+1+5+1+8+4+1+1+1+5+3+2+3)
2- Bond Girl/Suzuki Jimny (Rique Wanderley) – 73 pp
(8+6+5+17+17+1+2+2+3+4+5+8+4+4+20+9+8+6+4+1+14+7+14)
3- Repeteco II (Fernando Haaland) – 75 pp
(9+3+4+2+8+4+6+10+22+6+10+5+15+6+12+2+2+2+14+2+5+5+4)

RGS-A – 17 regatas, com 6 descartes
1-Fram (Felipe Aidar) – 14 pp (2+1+2+1+2+1+2+4+4+3+1+1+1+1+3+5+1)
2- Jazz (Valéria Ravani) – 15 pp (1+2+1+2+3+7+3+1+1+1+2+3+3+3+4+2+2)
3- Jylic II (Martin Bonato) – 40 pp (7+7+7+7+7+4+5+3+2+5+3+4+4+4+5+3+3)

RGS-B – 17 regatas, com 6 descartes
1-Palmares (José Romariz Filho)-12 pp(1+3+1+1+2+2+1+1+2+1+1+1+1+1+1+1+1)
2- BL3 (Clauberto Andrade) – 28 pp (4+7+3+5+4+4+2+2+1+3+3+3+4+2+3+4+2)

RGS-C – 17 regatas, com 6 descartes
1- Pirajá (Rubens Bueno) – 18 pp (2+3+2+2+1+2+1+2+1+2+2+2+1+2+3+2+3)
2- Rainha (Leonardo Pacheco) – 32 pp (5+5+5+5+5+5+5+5+5+5+1+1+2+1+3+1+3)

RGS-Cruiser – 17 regatas, com 6 descartes
1- Helios II (Marcos Lobo) – 20 pp (2+4+3+6+3+4+2+2+2+2+1+2+1+3+2+2+1)
2- YDYPY (Marco Aleixo) – 22 pp (3+3+2+2+6+2+4+8+8+1+2+1+2+2+6+4+2)
3- Cocoon (Luiz Caggiano) – 23 pp (1+1+1+1+2+3+3+4+4+4+4+3+3+4+1+5+5)

Delta 32 – 17 regatas, com 6 descartes
1-Palmares (José Romariz Filho)-12 pp(1+3+1+1+2+2+1+1+2+1+1+1+1+1+1+1+1)
2- Asbar II (Sérgio Klepacz) – 27 pp (3+3+2+2+5+3+4+4+2+2+4+4+4+3+2+3+2)

Skipper 21 – 17 regatas, com 6 descartes
1-Alegria (Carlos Alberto Gallo)-11 pp (1+1+4+2+1+1+1+1+1+2+1+2+2+1+1+1+1)
2- Sextante (Thomas Shaw) – 20 pp (2+2+4+3+3+2+2+2+2+2+2+1+1+2+2+2+2)

A Copa Suzuki Jimny – XI Circuito Ilhabela de Vela Oceânica – terá a quarta e última etapa em dois finais de semana, dias 26 e 27 de novembro e 3 e 4 de dezembro.

O evento tem organização do Yacht Club de Ilhabela, com patrocínio máster da Suzuki Veículos e apoio da Brancante Seguros, Cerveja Devassa, Nautos, Ancoradouro, Prefeitura Municipal de Ilhabela e Delegacia da Capitania dos Portos em São Sebastião.

Atenção: mais informações www.yci.com.br

E-mail: flavio@zdl.com.br


ZDL

Compartilhar Conteúdo
Release / Artigo
Texto com Imagens
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Fotos e Imagens