Musical “Malala, a menina que queria ir para a escola” chega a Uberlândia


Musical “Malala, a menina que queria ir para a escola” chega a Uberlândia 1

Uberlândia recebe o espetáculo, com canções exclusivas de Adriana Calcanhotto, antes mesmo de entrar em cartaz em São Paulo

A inspiradora história de Malala, menina paquistanesa que ganhou o Prêmio Nobel da Paz aos 17 anos, chega a Uberlândia com canções originais de Adriana Calcanhoto. O musical será apresentado nos dias 11 e 12 de maio, às 18h, e no dia 13, às 9h30 e 15h30, em sessões especiais para escolas, no Teatro Municipal.

Malala Yousafzai nasceu no Vale do Swat, província do Paquistão. Aos 10 anos, viu sua cidade ser tomada pelo grupo Talibã, que proibiu a música e a dança no Vale, além de banir as mulheres das ruas, as impedindo de ter acesso ao estudo. Inconformada com esse movimento islâmico, com vigilância  dia e noite e cheio de regras, Malala criou um pseudônimo e se tornou correspondente da BBC relatando e denunciando em seu blog o regime de opressão e os impactos diários que o Estado enfrentava.

Aos 15 anos, quando voltava da escola, sofreu um atentado e levou três tiros na cabeça. Socorrida em estado grave, apresentou leve melhora e foi transferida para um hospital da Inglaterra, onde se exilou com a sua família. Após sua melhora, a menina afirmou que não seria silenciada e passou a lutar pelo direito das mulheres, sobretudo à educação. Com isso, se tornou a pessoa mais jovem a ganhar o Prêmio Nobel da Paz.

O musical

O espetáculo é inspirado no livro da jornalista brasileira Adriana Carranca, em que relata a trajetória da pequena Malala. Logo após o atentado de Malala, em 2012, Adriana passou uns dias no vilarejo da paquistanesa. Ela entrevistou pessoas próximas e também quem estava ao seu lado no momento do atentado. Dessa experiência, surgiu a obra ‘Malala, a menina que queria ir para a escola’.

A peça tem direção de Renato Carrera e adaptação de Rafael Souza Ribeiro. A ideia do musical foi idealizado pela atriz Tatiana Quadros e com músicas originais de Adriana Calcanhoto. O nome Malala significa “tomada pela tristeza”, mas a história é de pura determinação e coragem, uma biografia fundamental para as crianças e adolescentes, contada na forma de aventura musical. O espetáculo busca engrandecer o ser humano e seu direito ao conhecimento, independente do gênero. Por isso, em sua passagem a Uberlândia, contará com duas sessões dedicadas às escolas.

No palco, a história é encenada por oito atores e um músico, ambientada em um quintal brasileiro mágico, onde tudo se transforma: peteca vira caneta, balão vira abóbora, tijolo vira cadeira e uma casa vira escola. Parece uma ficção, mas é a mais pura realidade. 

Serviço:

Musical Malala a menina que queria ir para a escola

Data: 11, 12 e 13 de maio

Hora: 11 e 12 às 18h e no dia 13 às 09h30 e 15h30 em sessões especiais para escolas

Local: Teatro Municipal de Uberlândia

Ingressos: Lojas Provanza do Center Shopping  e Uberlândia Shopping, Lynx Óptca, na Avenida Getúlio Vargas, 1655, no Bairro Tabajaras ou pelo site www.megabilheteria.com

Informações: 9 9866-1727 e 9 9118-6224


Compartilhar Conteúdo
Release / Artigo
Texto com Imagens
Vídeo
Youtube, Vimeo ou Vine
Áudio
Soundcloud ou Mixcloud
Imagem
Fotos e Imagens